0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Pin It Share 0 Email -- 0 Flares ×

Não vou mentir, nossa ida a Fort Lauderdale foi fortemente influenciada pela presença do Sawgrass Mills, um dos maiores outlets do mundo.

DSC05097

Por mais que não quiséssemos torrar dinheiro com compras desnecessárias, estávamos a ponto de nos mudar e precisávamos comprar algumas coisas. Como seríamos obrigados a comprar, aqui no Brasil mesmo, aproveitamos a viagem para “economizar” comprando lá.

Como eu não queria ir até á só para comprar e nunca imaginei dedicar um dia inteiro de uma preciosa viagem somente em compras, fui ver o que a cidade tinha de atrativos, para que aproveitássemos o dia e fôssemos à noite para o outlet.

Iniciamos o dia passeando pela praia que é realmente linda. Eu particularmente gostei mais da praia de Fort Lauderdale do que da de Miami. Uma pena que havia muito vento e estava fresquinho, logo nem pensamos em banho de mar, o que foi um pecado com aquela água linda.

DSC05104

É muito legal andar de carro pela cidade e admirar os canais. É tudo muito bonito, limpo, bem cuidado e organizado.

DSC05115

 

Depois fomos em busca do passeio de barco pelos canais, pois eu havia anotado isso no mapa on line do google e estava sem internet. Foi um pouco trabalhoso mas encontramos.

Pegamos um passeio curtinho, em torno de uma hora e meia, e bem barato.

O barco tinha fileiras de cadeiras, como se fosse um auditório, e umas 40 pessoas no total.

O passeio pelos canais iniciou e foi bem legal. A água é linda, tudo ao redor impressiona.

Uma coisa que me chamou muita atenção foram as pontes que levantam. Ok, nada de mais com isso, mas assim, elas só sobem no momento exato em que os barcos vão passar, para evitar ficar trancando o transito. E mal passávamos, elas já estavam baixando novamente.

DSC05136

O cara do barco fala muito em números, a respeito do preço dos aluguéis, dos imóveis, dos barcos e tu fica realmee chocado. É um passeio para sentir inveja alheia… hahaha…

DSC05152

Mas depois de um tempo enjoa só ficar ouvindo aquela bobagem. Eu teria curtido mais se depois das 3 primeiras casas e barcos que ele falou o preço tivesse ficado quieto. Daí daria para curtir só o passeio de barco. Mas não, com aquele microfone alto, tu acha super legal nos primeiros quinze minutos e depois fica “mas que saco, ele não vai ficar quieto!!”

DSC05176 DSC05167 DSC05142 DSC05177

Eu não sou muito exigente e estaria satisfeitíssima com essa casinha aqui.

DSC05189

Fui fechando os ouvidos, tentei desapegar do som e . O lugar é muito bonito, tudo perfeitinho no seu lugar.

DSC05195

 

Já estávamos meio de saco cheio dos milhões de dólares quando o passeio acabou.

E estávamos também mortos de fome. Fomos então comer num restaurante bem peculiar: o BrinyIrish Pub, na beira do canal, bem do lado dos passeios de barco.

Digo peculiar porque o lugar deve ser de um colecionador compulsivo! Pense em todo tipo de quinquilharia possível. Agora imagine pendurar todas elas to teto, paredes, pilares, por todo canto num restaurante. São todos objetos imagináveis!

Mas, ignorando a brincadeira, o lugar é o máximo. As meninas nos atenderam super bem, o drinque que pedi estava delicioso e a comida estava ótima também. O preço não foi barato mas foi justo.

DSC05201 DSC05198

Dalí iríamos para o Imax gigante de lá, mas acabamos indo direto para o Sawgrass. Que doideira. Já fui em muitos outlets, mas lá passamos umas 6 horas e não conseguimos ver quase nada. Fomos em um corredorzinho e só. Mas também, aproveitamos esse corredor, hahaha…

Quase toda nossa cozinha foi equipada nessas seis horas.

E fomos finalmente para o hotel, nesse dia estávamos realmente exaustos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

You may use these HTML tags and attributes:

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>